Brook

Sobre Brook

Brook já foi um membro do esquadrão de ataques surpresas de um reino muito antigo, um pirata Rumba, um dos nakamas de Laboon. Já morreu uma vez, perdeu todos seus amigos e penou bastante, mas hoje, graças à Yomi Yomi no Mi, ele pode ter uma segunda chance nesse mundo e se tornou o músico do Mugiwara Kaizokudan. Seu sonho acima de tudo é reencontrar com Laboon.

Ele sabe tocar um pouco de todos os instrumentos musicais, embora costume usar mais seu violino e também é um espadachim, assim como Zoro, mas ao contrário deste, que leva suas espadas na cintura, Brook esconde a sua katana, Shikomizue, dentro da bengala que sempre carrega consigo.

Passado: Rumba Kaizokudan

Cinqüenta anos atrás, Brook fazia parte dos piratas Rumba como músico e espadachim. Ele e seu grupo estavam navegando normalmente pelo West Blue quando uma baleia filhote que tinha se perdido do bando começou a seguir o navio. Eles tentaram ajudá-la, dizendo que ela deveria voltar para a sua família, mas a baleia ficou tanto tempo seguindo o navio que acabou virando parte da tripulação e recebeu o nome Laboon.

Desde então, os piratas rumba viveram muitas aventuras e Laboon mostrou não ser um empecilho para eles, mas ao contrário, um verdadeiro pirata. Laboon era especialmente próximo de Brook e adorava suas músicas. Seus nakamas diziam até que Brook e Laboon se pareciam e tinham o mesmo formato da cabeça (por causa do afro).

Porém, chegou a hora da despedida: os piratas iriam atravessar a Grand Line, mas não podiam levar Laboon, ele era só uma criança. Eles tentaram conversar com Laboon sobre isso, especialmente Brook, mas ela não os deu ouvidos. O jeito então foi parar de cantar ou tocar até que Laboon fosse embora. Foi um momento muito triste para a tripulação, mas eles tinham que seguir em frente e uma semana depois já estavam do outro lado da Grand Line. Lá, eles conheceram Crocus, o guardião do farol e já estavam pensando em fazer uma comemoração, mas havia um problema.

Para a surpresa de todos, Laboon tinha seguido-os e atravessado a Grand Line sozinha. Passaram-se três meses e quando os reparos do navio estavam completos, os piratas decidiram partir. Crocus ficaria tomando de conta de Laboon por dois ou três anos até que eles voltassem. Laboon concordou e esperou. Os três anos se passaram e o grupo ainda não estava nem perto de completar sua missão antes de voltar. Sem que ninguém esperasse, o capitão dos piratas Rumba, Calico Yorki, contraiu uma doença desconhecida e fatal. Eles desembarcam em uma ilha, onde o capitão decidiu abandonar o grupo e levar esse parasita para um local bem distante, como o Calm Belt.

Algum tempo depois, o grupo ainda sobrevivia e Brook ganha uma recompensa por sua cabeça. Mais um período se passa, até que eles são atacados com armas envenenadas em um duelo com outro navio. Muitos morreram e o restante sabia que o veneno não iria demorar muito para matá-los. Brook então convidou todos para tocar uma última música; talvez ele voltasse à vida graças à fruta do diabo que havia comido tempos atrás, mas ninguém sabia se iria dar certo. De qualquer maneira, Brook preferiu deixar seu Tone Dial ligado para gravar a última e tão querida música dos piratas Rumba. Eles começaram a tocar e cantar, e de um em um, foram caindo.

Foto de Brook:

brook3

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: